Joelho

Osteoartrose no joelho: saiba o que é e como é feito o tratamento

Powered by Rock Convert

Uma doença que merece muita atenção médica e também por parte do paciente é a osteoartrose no joelho, pois pode causar deformidades e limitações diárias. Você sabe o que ela significa?

Sendo uma enfermidade que atinge especialmente os joelhos, a osteoartrose é a inflamação que provoca a degeneração da cartilagem do membro, causando deformidade e impedindo que o paciente tenha uma qualidade de vida adequada.

Se você sente dores nos joelhos ao caminhar sem motivo aparente ou por conta de alguma fratura recente, tombo ou atividade física, continue a leitura e conheça mais sobre essa condição.

O que é osteoartrose?

Assim como outras doenças de infecções nas articulações, a osteoartrose no joelho é uma inflamação das principais juntas de suporte dos membros inferiores, podendo também atingir outras regiões.

É considerada uma doença muito popular entre os idosos. A estimativa dos que têm osteoartrose na terceira idade é de 60% para os homens.

Caso diagnosticada ou desenvolvida precocemente, ainda na adolescência, pode se manifestar totalmente até os 45 anos de vida do paciente.

Existem hoje quatro classificações da osteoartrose. A que acomete o joelho é conhecida por secundária, pois há possibilidade de ser decorrente de algum outro fator.

Quais são os sintomas?

Assim como a artrose, doença desenvolvida a partir de inflamação nas articulações, a osteoartrose no joelho tem seus sintomas a partir de dores intensificadas, limitação de movimentos, rigidez ao amanhecer e instabilidade nos membros, porém com algumas particularidades.

Um diferencial no diagnóstico é que, ao contrário de outras infecções nas juntas que não reduzem a dor ao ter repouso, a osteoartrose apresenta melhoras a partir do descanso. Um sinal importante para ficar atento. Outro sintoma distinto, como a rigidez matinal, apresenta curto período de incidência — cerca de minutos, e não horas, como na artrose.

Powered by Rock Convert

A limitação dos movimentos também está entre os sinais que o paciente pode identificar caso a doença progrida sem tratamento. Contraturas e bloqueios mecânicos, em especial ao subir ou descer escadas, além do espaço muscular.

Além desses, as deformidades, como desalinhamento e formação de cistos nos ossos, tornam-se aparentes. Por isso, é importante procurar um especialista logo nos primeiros sinais.

De que maneira evitar a osteoartrose?

Os joelhos são os membros mais importantes para a movimentação do corpo. São eles que sustentam toda a carga do corpo e, com o passar dos anos, tendem a sofrer as consequências de diversos fatores. Conheça os principais:

  • idade;
  • sexo;
  • genética;
  • lesão;
  • etnia;
  • metabolismo;
  • força muscular;
  • fatores nutricionais;
  • lesão por atividade esportiva.

Por isso, realizar atividades físicas supervisionadas, ter uma alimentação saudável e manter o peso adequado estão entre as formas essenciais de evitar a doença.

Além disso, é importante repousar as pernas, mesmo durante o dia, em especial quem trabalha muito tempo na mesma posição, seja ela sentada ou em pé.

Visitar um médico regularmente é essencial para prevenir doenças, pois só assim é possível estar sempre assistido.

Qual é o tipo de tratamento para osteoartrose no joelho?

A análise é feita clinicamente, com radiografias e também exames laboratoriais. O responsável por solicitar tudo isso é o médico especialista em ortopedia. O tratamento pode ser medicamentoso ou não.

Os mais conhecidos são atividades físicas de fortalecimento da musculatura, fisioterapias, remédios derivados de corticoides, injeções ou analgésicos, além de tratamento eletromagnético para alívio de dores e rigidez. A cirurgia é viável e solicitada somente em alguns casos.

Como você pode perceber, a osteoartrose no joelho é uma doença muito comum, mas que pode impedir que o paciente tenha qualidade de vida adequada caso não seja tratada. Por isso, procure um médico de confiança e faça uma avaliação logo nos primeiros sintomas.

Conheça a IMOT BH agora mesmo! Entre em contato e converse com a nossa equipe sobre as especialidades ortopédicas disponíveis.

Sobre o autor

DR. EDUARDO LOUZADA DA COSTA

DR. EDUARDO LOUZADA DA COSTA

CRM - MG 46.264

Graduação em Medicina na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Residência Médica em Ortopedia e Traumatologia na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Especialização e pós graduação em Cirurgia do Joelho (FELUMA), Mestrado em Cirurgia na Faculdade de Medicina da UFMG, Fellow em Sports Medicine na Stanford University (California - USA), Coordenador do serviço de Cirurgia do Joelho do Hospital da Unimed - BH. Preceptor da Residência Médica do Hospital da Unimed - BH.

Share This
× Gostaria de agendar uma consulta?